RSS

"A Menina do Mar" de Sophia de Mello Breyner Andresen

Era uma vez um menino que vivia junto à praia. Um dia, o menino ouviu uns barulhos atrás de uma rocha. Era a Menina do Mar. Esta menina foi trazida por uma gaivota e pousada numa praia quase deserta. Ela passou a viver com um caranguejo, um polvo e um peixe no fundo do mar. O peixe não fazia nada, o caranguejo era o cozinheiro e costureiro da Menina do Mar. O polvo era o que trabalhava mais porque fazia a cama da Menina, ia buscar a comida e outras coisas.A dona dos mares era a Grande Raia. Um dia, a Menina do Mar encontrou-se com o rapaz que vivia nessa praia. Ficaram amigos e em cada encontro o rapaz levava-lhe uma coisa da terra. Até que um dia, quis levá-la, dentro de um balde para conhecer a terra. Mas a Grande Raia não gostou e mandou-a para uma praia distante e nunca mais se viram. Num belo dia, o rei dos mares que soube da tristeza da Menina, mandou uma gaivota entregar ao rapaz uma poção para ele conseguir viver debaixo da água. O rapaz bebeu-a e viveu para sempre com a Menina no fundo do mar.

3 comentários:

Alexandra disse...

A história é simples e bonita. Até vou imprimir para ler ao Afonso e à Marta (irmã), antes de dormirem, pois eles adoram histórias sobre o fundo do mar, peixinhos e baleias, e barcos a navegar...

Alexandra Costa

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Belisa disse...

Olá a todos.
Eu adoro Sophia. É uma grande escritora e poetisa. Fiquei muito satisfeita ao verificar que o Luis Miguel já conhecia "A Menina do Mar". Curioso tambémé a magia que esta história tem. Ela seduziu o meu "menino" que assumiu o papel do rapazinho da casa branca situada nas dunas. Também ele gostaria de encontrar uma "menina do mar". Vou tudo fazer para que ele a encontre!
Parabéns à professora pela selecção do texto.
Votos de continuação de boas leituras.
Beijinhos para todos.
Isabel (mãe do Luis Miguel)
P.S. estou a reler o texto ao Luis é à sua irmã antes de adormecerem.